Categoria

doce da casa

Há uma história à nossa espera, rapazes!

E não é uma história qualquer. É uma história com a qual temos contas a ajustar. É a história com um capítulo inacabado, tantas vezes percorrido até final, sem que termine como vocês merecem. Como nós merecemos. Nunca será demais… Ler mais →

O Jamor? O Jamor é hoje!

Tem sido uma época longa, repleta de batalhas, com mais desilusões do que sorrisos. Estamos cansados, todos, dos jogadores aos adeptos, porque as penas de uns são as gargantas de outros, porque cada movimento deles acelera-nos o coração. É desta… Ler mais →

Yippie-Ki-Yay motherfucker! (como é que vai ser, Bruno McClane?)

Apareceu sem que poucos ou nenhuns o conhecessem, disposto a resgatar quem gostava das mãos dos terroristas de gravata. O arranha céus estava completamente tomado, grande parte dele saqueado e este gajo, meio anafado e com vontade de puxar um… Ler mais →

Agora é convosco, rapazes!

Rui, avisa o Mister que hoje há pré-palestra e diz ao resto do pessoal para tomar cinco minutos de atenção. Sei que é um dia importante, mas não podia deixar-vos ir para a batalha sem vos dizer que gostei muito… Ler mais →

Bardamerda para todos aqueles que não gostam do Gelson Martins!

Quando defrontámos a Juventus, para a Champions, aconteceu aquilo que já havia acontecido aquando do embate com o Real Madrid: o mundo rendeu-se ao virtuosismo e à vertigem que um rapazinho com a 77 empresta aos jogos. Esse rapazinho é… Ler mais →

Good Bruno, bad Bruno, my Bruno

Cherba, se fosse hoje voltavas a votar no Bruno de Carvalho? Obviamente que sim! Peço desculpa se comecei por aquele que poderia ser o final do post, mas creio ser importante partir desse dado. Um dado que aqui é escrito… Ler mais →

My love will not let you down ou uma história de amor cantada por Sportinguistas

Faço contigo uma aposta. Sim, contigo, que és do mesmo clube que eu. Uma das cinco coisas em que pensaste antes de adormecer e uma das cinco coisas em que pensaste depois de acordar foi o jogo desta noite. E… Ler mais →

O que faz de nós um clube tão grande quanto os maiores do mundo?

Ainda me lembro da primeira vez que isso aconteceu. Foste apanhada de surpresa, tal como eu. Tu pela inocência dos teus seis anos, eu pela inocência de, então com 38, ainda acreditar numa réstia de decência nos adultos de outras… Ler mais →

2017: Odisseia Leonina

Quantas vezes, desde o ano de 2004, te lembraste da Nave? Aquela Nave onde viajaste tu, o teu pai, quem sabe os teus filhos. Aquela Nave que viu o Kickboxing arrecadar um título de Campeão do Mundo, que viu o Hóquei em… Ler mais →

Bas Dost ou quando o legado de Kubrick se cruza com os riffs de Angus Young

Planeta terra. Ano 2017. O futebol, transformado numa máquina financeira, põe à prova a paixão dos adeptos, cada vez mais carentes de reais provas de amor ao jogo e à camisola, cada vez menos crentes na verdade do jogo jogado,… Ler mais →

© 2018 A Tasca do Cherba — Powered by WordPress

Desenvolvido por Anders NorenCima ↑