Categoria

zero ídolos o caray

Na-na-na-na-na-na-na-na…

Bas Dost! Quem nunca cantarolou isto, que atire a primeira pedra. Se ainda existirem pedras, depois da verdadeira chuva delas que se abateu sobre o holandês, diabolizado por uma franja de adeptos com patrocínio de uma verdadeira campanha para colocar… Ler mais →

Iniciativa interessante

Durante o mês de Agosto, os Sócios do Sporting Clube de Portugal poderão votar – em https://www.sporting.pt/gloriassporting – nos ex-jogadores que considerem ser merecedores de ter a camisola exibida junto da quadra, como sinal de imortalidade no Clube e no… Ler mais →

É merecido, Ruesga!

O golo de Carlos Ruesga que selou a vitória (22-23) contra os russos do Chekhovskie Medvedi na fase de grupos da EHF Champions League, a mais importante prova de clubes do andebol europeu, foi eleito o melhor de toda a… Ler mais →

Palavras certas no timing errado

Nani recordou, em entrevista ao jornal A Bola. Para o atual jogador do Orlando City, o Sporting só vai voltar a sagrar-se campeão nacional quando se tornar um “clube mais fechado”. “Todos os que estão lá dentro têm de querer… Ler mais →

Chapeau, Girão! Chapeau!

Antes que alguém se esqueça, fica escrito: Girão é jogador do Sporting Clube de Portugal e foi figura maior da selecção nacional de hóquei em patins que, 16 anos depois, voltou a sagrar-se campeã do mundo da modalidade (2-1 sobre… Ler mais →

The Monteros

É impossível não gostar de ver um ex-jogador, juntamente com a sua família, vestir-se a rigor para ir a uma festa de anos no Canadá.

Oh Seba, my Seba!

Apesar de medir quase dois metros, Sebastián Coates passa despercebido na zona mista do jogo entre Japão e o Uruguai, da segunda jornada do Grupo C da Copa América, que terminou com um surpreendente empate entre asiáticos e sul-americanos. O… Ler mais →

«É um amor grande. Como o do Sporting»

Beto, que tal tudo por aí? Tudo bem. Pronto para a Copa América? Prontíssimo. Vais ver onde? Por la tele, aqui, em Buenos Aires. O negócio da televisão é um fenómeno recente. Como é que fazias quando eras miúdo? Usava… Ler mais →

Cristiano, dá-me um abraço!

O treino havia terminado e o autocarro da Seleção preparava-se para deixar o Estádio do Bessa. Na rua, o pequeno Eduardo, de 11 anos, segurava um cartaz quase tão grande como ele, onde podia ler-se: Cristiano, dá-me um abraço. O… Ler mais →

Nem tudo o que luz é ouro!

Este é que é o título certo para o jogo de ontem à noite.

© 2019 A Tasca do Cherba — Powered by WordPress

Desenvolvido por Anders NorenCima ↑